cabotagem
Nossas Dicas
Marítimo

Você sabe o que é cabotagem? Conheça mais sobre essa alternativa de transporte de cargas

Precisou fazer o transporte de cargas dentro do país, se deparou com o termo cabotagem e não faz ideia de como funciona esse modal? Esse é o lugar certo para esclarecer as suas principais dúvidas e determinar se essa é a opção correta para os seus negócios.

No Brasil, apesar de registrar crescimento nos últimos anos e do enorme potencial estratégico, a cabotagem não é um modal muito popular, perdendo espaço para o transporte rodoviário, que ainda é o mais utilizado. Existem diversas vantagens que ela pode proporcionar para a cadeia logística, incluindo a redução de custos com transporte, baixo teor de emissão de poluentes, capacidade ampla de carga e segurança.

 

Como funciona a cabotagem?

A cabotagem é o movimento de cargas nacionais ao longo da costa marítima entre os portos locais, podendo ainda abranger percursos que incluem trechos de rios ou lagos. É uma alternativa vantajosa, tendo em vista a extensão da costa brasileira e sua grande bacia hidrográfica, além de ser uma alternativa estratégica para descentralização da logística nacional.

Este modal é utilizado, frequentemente, para o escoamento de cargas granéis sólidas e líquidas como madeira para indústrias de celulose, suprimentos para industrias químicas e até mesmo para o deslocamento de petróleo e derivados, para alívio das plataformas ou movimentação de combustíveis entre regiões.

 

Quais os benefícios da cabotagem?

Ao optar por esse modal, as empresas podem se beneficiar em diversos quesitos:

 

Redução de custos

Reduzir custos com a operação logística está entre os principais objetivos de diversas organizações e com a cabotagem, isso é possível. De acordo com estimativas do mercado, a navegação de cabotagem custa até 30% menos que o transporte rodoviário, seu principal concorrente. Porém, reconhecido por ser mais burocrático, devido aos processos de desembaraço e liberação de carga, este modal possui prazos de entrega maiores e não é o ideal em casos de urgência.

Organizar os seus processos para uma folga maior de tempo nos prazos de entrega pode ser uma alternativa para apostar na cabotagem.

 

Maior segurança

Longe das estradas, onde os índices de furto e roubos de carga são maiores, os seus produtos estarão mais seguros. Assim, as empresas conseguem economizar, novamente, reduzindo prejuízos com esse tipo de ação, principalmente relacionados ao reenvio de novos itens.

Mas não se esqueça que o seguro de carga ainda continua indispensável e nesse caso, mais barato!

 

Capacidade de carga

Realizada através de navios com boa disponibilidade de espaço, a navegação cabotagem é o modal ideal para o transporte de grandes volumes, mais uma vez superando o seu principal concorrente, já que o modal rodoviário possui capacidade de carga limitada. Tal benefício é o principal responsável pela economia em escala nos envios via cabotagem.

 

Impacto ambiental

Se a sua empresa prioriza a sustentabilidade e prefere investir em soluções com menor impacto negativo no meio ambiente, a cabotagem pode ser a alternativa tão procurada. Ao ser comparada com outros modais de transporte, como o rodoviário e o ferroviário, por exemplo, a cabotagem é a que gera uma das menores taxas de emissão de poluentes na atmosfera.

 

Cabotagem no Brasil tem grande potencial

Com uma costa navegável de cerca de 8 mil quilômetros mais 42 mil quilômetros de vias com potencial de navegação entre rios e lagos, o Brasil possui a geografia ideal para a navegação de cabotagem, sendo possível o transporte de uma carga de um extremo a outro por esse modal. 

Além disso, com maior investimento na cabotagem no Brasil, as rodovias tão sobrecarregadas teriam redução de movimento e consequentemente, menor necessidade de investimentos públicos na manutenção das vias e na segurança de motoristas e pedestres.

A cabotagem pode ser uma excelente alternativa para a sua empresa, assim como outros modais. Em nosso blog, você confere muito mais conteúdo como esse para te ajudar na decisão, não perca tempo!