Nossas Dicas
Serviços

Fracionada, completa ou especial: conheça os diferentes tipos de carga!

Independente do porte da empresa, a exportação e importação se tornou uma necessidade para a expansão dos negócios, porém a maioria delas veem na alocação das cargas um problema, visto que diversas vezes, a quantidade de produtos que será despachada não preenche todo o frete. Para complicar ainda mais, a diversidade dos termos técnicos acaba confundindo quem ainda não tem experiência com comércio exterior e logística. Para essas situações, é preciso entender sobre as diferenças entre 3 tipos principais de cargas: a carga fracionada, a carga completa e a especial. Confira abaixo a definição de cada um deles, mas é importante lembrar que o tipo de produto e o modelo de negócio são os fatores que definirão qual será o tipo de carga a ser utilizada, não existe uma solução definitiva, tudo depende do caso.

 

Carga fracionada

Um caminhão, carro, navio ou avião possuem determinada capacidade de ocupação do espaço destinado ao carregamento das cargas, esse tipo de carga é indicado para empresas que precisam despachar os seus produtos, porém a quantidade, peso ou dimensão dos itens não preencheria totalmente um veículo, tornando o valor do frete inviável para realizar a venda. Nesta modalidade, as mercadorias de diversas empresas com o mesmo destino são consolidadas (unidas) para juntas serem transportadas e o valor do frete dividido entre todos os remetentes.

Com esse tipo de modalidade de frete, a transportadora irá procurar sempre fornecer as melhores soluções para os clientes, garantindo a integridade dos produtos e possibilitando a redução dos custos com o transporte e, consequentemente, diminuindo as despesas agregadas aos seus produtos.

 

Carga completa

Quando a carga da empresa irá ocupar o espaço total do modal, ela é reconhecida como carga completa. Este tipo de serviço garante a exclusividade do cliente e é geralmente utilizado por empresas em busca de rapidez no processo de entrega. Assim o principal objetivo desta modalidade não é o melhor aproveitamento de espaço, mas sim a agilidade na entrega dos produtos. São cargas que não podem esperar por outras para serem consolidadas e o transporte é feito considerando apenas sua própria rota. Além da urgência, muitas empresas contratam esse tipo de carga por se sentirem mais confiantes quanto à segurança de seus produtos. Afinal, os riscos de extravios são menores.

 

Cargas especiais

Alguns tipos de cargas apresentam características específicas que não permitem que elas sejam consolidadas com outros tipos de cargas sem inspeção técnica e avaliação dos riscos envolvidos. Assim também é o caso do transporte de alimentos e produtos para saúde que também possuem regras que visam manter a integridade total das mercadorias.

 

Vai exportar e não sabe como deve enviar os seus produtos? Conte com AS para encontrar o melhor caminho, frete e modal para a sua empresa!