Serviços
Inteligencia Fiscal e Tributaria

4 dicas para reduzir a carga tributária da sua empresa

carga tributária no Brasil é muito alta e as empresas têm de arcar com cerca de 30% de tributos sobre os lucros obtidos. Com essa realidade, encontrar maneiras reduzir as taxas e os impostos a serem pagos é um dos principais desafios de uma companhia.

Conquistar uma redução expressiva não é fácil. Pensando nisso, resolvemos reunir algumas dicas que vão te ajudar a gastar menos com os tributos destinados à empresa. Confira!

1.  Organize a casa e tenha conhecimento pleno sobre a carga tributária

Antes de descobrir métodos para reduzir a carga tributária é preciso organizar a empresa. Isso significa ter controle total sobre a realidade financeira da instituição, ciência sobre todos os impostos que costuma pagar e os documentos em dia.

Com tudo isso é possível ter mais clareza e uma visão mais ampla de qual caminho seguir para economizar com o pagamento de impostos, analisar o que a sua empresa faz ou não faz e o que há de disponível para mudar essa realidade na tributação.

2.  Conheça os benefícios fiscais para o seu ramo

Com a análise das legislações federal, estadual e municipal é possível ter conhecimento se há algum tipo de benefício fiscal específico para a atividade da sua empresa.

Essa atitude é uma vantagem de mão dupla. Além de proporcionar economia tributária, o governo incentiva ações voltadas ao meio ambiente, conscientização social, cultura, educação e muito mais.

carga tributária

3.  Descubra qual é o melhor enquadramento jurídico para a empresa

Os tipos de impostos que uma empresa deve pagar dependem do seu enquadramento jurídico. No Brasil, é possível estar no Simples Nacional, Lucro Real ou Lucro Presumido. A decisão é feita anualmente e para saber em qual se enquadrar é fundamental conhecer a realidade da empresa ou, até mesmo, contar com uma assessoria tributária.

De qualquer forma, uma pesquisa completa sobre cada um deles é indispensável, afinal é preciso conhecer as formas de pagamento, hipóteses de isenção e compensação, além de entender qual é mais vantajoso e, principalmente, econômico para seu negócio.

4.  Trabalhe com especialistas

De acordo com o IBPT-Instituto Brasileiro de Planejamento Tributário, no Brasil são editadas cerca de 800 normas tributárias por dia, chegando aos assombrosos 5,4 milhões de normas desde a Constituição de 1988.

Neste sentido, ter o acompanhamento, a atualização e principalmente a leitura correta da operação da empresa, carga tributária bem como identificar oportunidades de redução de carga tributária, através de benefícios e incentivos fiscais, regimes aduaneiros especiais, dentre outros é muitas vezes questão de sobrevivência empresarial.

Por isso, sua empresa precisa estar sempre contanto com apoio de especialistas que contribuirão para o desenvolvimento de seus negócios, para o incremento de sua competitividade.